Skip to content

Como estudar para concurso

Passar em um concurso público é, nos dias de hoje, a meta de muita gente que deseja. Isso porque essa modalidade de trabalho pode proporcionar para quem é concursado uma melhor condição de vida, um salário fixo e boas condições de trabalho. No entanto, estudar para concurso é uma tarefa muito difícil e que fica ainda mais complicada devido a falta de preparo que muita gente apresenta no início da jornada.

Nesse contexto, se você tem interesse em aprender dicas sobre como potencializar o seu estudo e como você deve se preparar da maneira certa para conseguir a tão sonhada aprovação, abaixo, te ensinaremos algumas delas.

Assim, ao fim deste artigo, o nosso objetivo é te mostrar um caminho que você pode traçar para atingir a tão sonhada aprovação no fim dessa jornada. Confira abaixo!

Veja também: Provas anteriores do IDIB.

Tenha foco

Antes de começar essa lista com dicas, precisamos falar sobre foco e determinação, pois essas duas qualidades são essenciais em um concurseiro. Isso porque a maioria das pessoas que decidem fazer a prova de concurso desistem nos primeiros meses devido a falta de determinação. Sendo assim, antes de iniciar essa nova jornada, tenha em mente os seguintes tópicos:

  1. Qual é o seu objetivo?
  2. Onde você quer chegar fazendo o concurso?
  3. Como eu me vejo depois que passar nesse concurso?
  4. Eu me identifico com a área de atuação que estou desejando?
  5. O que me motiva a chegar até lá?

Lembre-se de que, por vezes, esse não será um caminho fácil e que talvez precise de algumas abdicações ao longo do trajeto. No entanto, com garra e determinação, é possível passar por tudo isso e conseguir a tão sonhada aprovação.

Leia o edital do seu concurso

Pode parecer óbvio dizer isso, mas muita gente, quando está iniciando a jornada de concurseiro, não tem a mínima ideia de que é preciso ler o edital do concurso para entender como ele vai funcionar. Nesse contexto, entre outros motivos, você precisa ler o edital para saber quais assuntos devem dar mais atenção na hora de estudar, quais você pode apenas pincelar, além de descobrir informações sobre a banca que irá aplicar a prova.

Direcione o seu estudo

Um concurso público, normalmente, cobra que os aprovados tenham uma boa bagagem de conhecimento acumulado, mas o tempo entre a publicação do edital e a aplicação da prova, normalmente, é muito curto.

Nesse contexto, se você for estudar de maneira intensa exatamente todos os assuntos que podem cair na prova, provavelmente, além de perder muito tempo, você vai acumular muito conteúdo que não é necessário.

Sendo assim, uma ótima dica para que você estude de maneira eficiente é direcionando o seu estudo. Isso significa, por exemplo, que o seu estudo deve ser direcionado para te permitir responder questões fáceis e médias de todos os assuntos, mas que também te permite acertar a resposta de questões consideradas difíceis de alguns assuntos selecionados (o ideal é consultar alguém que já tem conhecimento prévio sobre o assunto para que vocês possam identificar, juntos, quais são os assuntos mais importantes).

Planeje sua rotina

Estudar é um hábito que se constrói e que, com a rotina de cada dia, pode ficar cada vez mais forte e mais difícil de ser desfeito. Sendo assim, especialmente no início da jornada de estudo, é muito importante que você tenha uma rotina sólida pré-determinada, especialmente se você tem pouco tempo para estudar ou se possui outros compromissos (por exemplo, ir para a academia). 

O ideal, por exemplo, é que você mantenha um “quadro” onde possa anotar os seus horários e o tempo que você pode estudar todos os dias. Além disso, é muito importante que você já separe antecipadamente quais são os assuntos que você vai estudar quando for sentar na cadeira, pois assim, evita perder tempo. No entanto, não se preocupe caso você não consiga cumprir rigidamente o que foi determinado, apenas tente fazer a sua parte.

Conheça o tipo de aluno que você é

No mundo, existem diversos tipos de alunos. Alguns, por exemplo, gostam de aprender através da sala de aula, ouvindo o professor e fazendo anotações; já outros, preferem ler livros e tentar desenvolver um raciocínio lógico por trás; ainda, há quem seja extremamente visual e que, por isso, prefira fazer desenhos, flashcards, entre outras coisas. Nesse contexto, antes de começar a estudar, é muito interessante que você veja qual é o tipo de aluno que você é e como potencializar a sua aprendizagem.

Não mascare os seus erros

Um dos maiores erros que concurseiros e alunos em geral cometem é o de se enganar. Isso porque é bem mais cômodo para a maioria das pessoas empurrar para debaixo do tapete tudo aquilo que incomoda. Por exemplo, existem pessoas que, quando se deparam com um conteúdo muito difícil para estudar, ao invés de tentar outra abordagem ou de pedir ajuda, prefere fingir que não precisam daquele assunto ou que o que aprendeu foi o suficiente.

No entanto, é preciso lembrar que esse tipo de abordagem é extremamente prejudicial. Isso porque mascarar os erros faz com que sejam criadas lacunas no aprendizado, o que pode sabotar tanto a sua prova quanto te desestimulando a continuar estudando. Sendo assim, quando tiver um erro ou uma dificuldade, ao invés de esconder ou desistir, exponha esse erro e peça ajuda.

Esteja cercado de pessoas que te motivem

Estudar sozinho, por mais que tenha suas vantagens, às vezes, pode ser um pouco complicado. Nesse contexto, para manter a motivação, conseguir dicas de como estudar, trocar materiais com outras pessoas e diversas outras coisas, existem grupos de WhatsApp, Facebook e Telegram que você pode participar para entrar em contato com pessoas que estão vivendo a mesma jornada que você e que entendem suas dores.

Monte um ambiente de estudo confortável

O ambiente de estudo pode ser decisivo na qualidade do seu aprendizado. No entanto, isso não significa que você precisa montar um setup extremamente caro, com uma mesa reclinável e cadeira gamer de última geração, você só precisa seguir algumas regras de ergonomia:

  • Tenha uma cadeira confortável, de preferência que apoie o seu pescoço e braços da melhor maneira o possível;
  • Tenha uma mesa na altura correta para o seu corpo;
  • Se possível, deixe o monitor do seu computador na altura dos olhos;
  • Faça uma decoração bonita, que te motive de sentar na mesa (pode ser com foto da sua família, dos seus amigos, com frases feitas em post its, quadros bonitos ou o que te agradar);

Arrume tempo para descansar

Se você estiver cansado(a), não adianta nada você estudar 10 horas por dia, pois esse volume de estudos, em termos de rendimento, pode ser inferior ao que você teria se tivesse estudado 2 horas em um dia bom. Sendo assim, escute o seu corpo: está cansado?

Descanse!

E lembre-se: descansar não é apenas dormir, pois, às vezes, é muito mais revigorante, por exemplo, sair para passear ao ar livre ou ver um filme. 

Be First to Comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.